O dom da vida



- Mãe, mãe? Eu conectei a internet e li que pelas estatísticas, que o transplante de coração é um dos mais esperados nas filas dos hospitais.
- Sim, minha filha. O coração é um órgão que pode ter inúmeras doenças e juntando tudo, o que dá é isso, o coração morre e a pessoa necessita de outro.
- Mas mãe, me diz uma coisa, como que a pessoa sabe que seu coração está doente, quase morrendo, e que ela precisa encontrar um novo pra por naquele mesmo lugar?
- A pessoa fica doente, minha filha. Ela sente dores, falta de ar, entre muitos outros sintomas.
- Mas e porque elas ficam com problemas no coração?
- Porque para algumas, há muitos problemas, como por exemplo, crises na família, no trabalho, escola, enfim, isso tudo requer delas muito trabalho, então a pessoa fica estressada e acaba obtendo doenças cardíacas, ou seja, o coração adoece.
- Nossa, mãe, que horror isso.
DOIS DIAS DEPOIS:
NA ESCOLA:

- Ai Julia, eu não quero mais saber de você. Não gosto de você, nunca gostei e você é uma boba.
- Mas por que tudo isso? Eu lhe entreguei meu coração Arthur.
- Não seja idiota Julia, você apenas me entregou um desenho ridículo em forma de coração e todo rabiscado. Eu não gosto de você. Esqueça-me.
- Arthur...
DEPOIS DA AULA:
EM CASA:

Julia entra em casa correndo, vai direto para o quarto e não conversa com ninguém.
Ela liga o computador e conecta a internet; entra na página do Google e digita a seguinte frase: “como arrancar um coração?”
Inúmeros resultados; dentre eles uma resposta esperada por Julia.
“Você nunca irá poder arrancar seu próprio coração; isso é trabalho para outro alguém.”
1º Passo: Você irá se apaixonar perdidamente por alguém e esse alguém nem quer saber se você existe.
2º Passo: Começará a doer em você, uma dor difícil de agüentar.
3º Passo: Em mais ou menos dois dias, você o encontrará com outro alguém.
4º Passo: Várias idéias lhe surgirão na mente.
5º Passo: Você irá se esquecer do mundo e prometerá nunca mais se apaixonar. Seu coração precisará de um transplante para viver.
6º Passo: Ele renascerá com ajuda de outro alguém, ou seja, outro coração; novo amor.

CONVERSATION

4 comentários:

  1. Nossa...q texto maravilhoso ... ótima surpresa na segunda-feira chata e solitária.
    Coração q não podemos arrancar

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga avassaladora...
    Gostei. Simples e com otima mensagem aos que estão sofrendo as primeiras dores de amor!
    haja coração!

    ResponderExcluir

- Comente, mas algo que acrescente uma opinião, sempre com respeito.

- Siga o blog, mas deixe seu endereço para eu seguir de volta.

- Dicas, opiniões, sempre serão bem vindas.

E-mail para contato: dhfy.blogs@gmail.com

segunda-feira, 20 de abril de 2009

O dom da vida

Compartilhar

- Mãe, mãe? Eu conectei a internet e li que pelas estatísticas, que o transplante de coração é um dos mais esperados nas filas dos hospitais.
- Sim, minha filha. O coração é um órgão que pode ter inúmeras doenças e juntando tudo, o que dá é isso, o coração morre e a pessoa necessita de outro.
- Mas mãe, me diz uma coisa, como que a pessoa sabe que seu coração está doente, quase morrendo, e que ela precisa encontrar um novo pra por naquele mesmo lugar?
- A pessoa fica doente, minha filha. Ela sente dores, falta de ar, entre muitos outros sintomas.
- Mas e porque elas ficam com problemas no coração?
- Porque para algumas, há muitos problemas, como por exemplo, crises na família, no trabalho, escola, enfim, isso tudo requer delas muito trabalho, então a pessoa fica estressada e acaba obtendo doenças cardíacas, ou seja, o coração adoece.
- Nossa, mãe, que horror isso.
DOIS DIAS DEPOIS:
NA ESCOLA:

- Ai Julia, eu não quero mais saber de você. Não gosto de você, nunca gostei e você é uma boba.
- Mas por que tudo isso? Eu lhe entreguei meu coração Arthur.
- Não seja idiota Julia, você apenas me entregou um desenho ridículo em forma de coração e todo rabiscado. Eu não gosto de você. Esqueça-me.
- Arthur...
DEPOIS DA AULA:
EM CASA:

Julia entra em casa correndo, vai direto para o quarto e não conversa com ninguém.
Ela liga o computador e conecta a internet; entra na página do Google e digita a seguinte frase: “como arrancar um coração?”
Inúmeros resultados; dentre eles uma resposta esperada por Julia.
“Você nunca irá poder arrancar seu próprio coração; isso é trabalho para outro alguém.”
1º Passo: Você irá se apaixonar perdidamente por alguém e esse alguém nem quer saber se você existe.
2º Passo: Começará a doer em você, uma dor difícil de agüentar.
3º Passo: Em mais ou menos dois dias, você o encontrará com outro alguém.
4º Passo: Várias idéias lhe surgirão na mente.
5º Passo: Você irá se esquecer do mundo e prometerá nunca mais se apaixonar. Seu coração precisará de um transplante para viver.
6º Passo: Ele renascerá com ajuda de outro alguém, ou seja, outro coração; novo amor.

4 comentários:

30 e poucos anos. disse...

Nossa...q texto maravilhoso ... ótima surpresa na segunda-feira chata e solitária.
Coração q não podemos arrancar

Igor Pinheiro disse...

Texto muito legal mesmo, parabéns!

avassaladorasrio disse...

Querida amiga avassaladora...
Gostei. Simples e com otima mensagem aos que estão sofrendo as primeiras dores de amor!
haja coração!

Erica disse...

Gostei muiito
parabéns!

Postar um comentário

- Comente, mas algo que acrescente uma opinião, sempre com respeito.

- Siga o blog, mas deixe seu endereço para eu seguir de volta.

- Dicas, opiniões, sempre serão bem vindas.

E-mail para contato: dhfy.blogs@gmail.com