Foco, força e fé na vida



Dizem que algumas mulheres tem complexo com a idade, e eu acredito piamente nisso. Com o passar dos anos, olhar-se no espelho deixou de ser prazeroso, pois uma ruga surge aqui, outra logo ali, e as coisas vão ficando um pouco mais repetidas. Conheço os dois tipos de mulheres: as que vivem para a beleza, e as que preferem viver bem a preocuparem-se com as companheiras rugas que surgem a cada mês. E, você?

            Olhar-se no espelho e perceber um novo e leve risquinho na lateral direita não deveria ser comparado com a questão da idade, mas, sim, da maturidade. O complexo de subcelebridade e Miss Bumbum é passado, não porque a idade tomou conta, mas porque sutilezas da vida tomam lugar de qualquer baboseira.

            Cuidar de quem se ama é a melhor forma de viver bem, praticar exercícios físicos e relaxar na ioga é o melhor caminho para manter uma mente tranquila e serena, pois depois temos de matar 10 leões no trabalho, 6 ou 7 na faculdade e, para muitas, ainda resolver as brigas na família quando chegar em casa. Os valores estão totalmente invertidos, mas podemos mudar isso.

            Dizem que a sociedade e a imprensa criam estereótipos e mulheres “perfeitas”. Está aí uma coisa engraçada, “mulheres perfeitas” não são as de biquíni no BBB 15, as trabalhadas no Photoshop e estampadas na capa da revista Playboy, mas a que sustenta uma casa, ama e educa os filhos, aguenta “familiares chatos” e continua a sorrir sem se preocupar com o número da calça jeans que aumentou. Não apoio o desleixo, mas a valorização da verdadeira mulher do ano de 2015.

            Submissão nos dias de hoje só em Cinquenta Tons de Cinza, fora isso, é muito trabalho e opinião própria a defender. Falta de estudo, com a gente não, pois foco e fé devem ser trabalhados com esforço. Mulher que incentiva a leitura deveria ser posta em um pedestal, pois muitas não conhecem nem Marta Medeiros e o falecido Moacyr Scliar.

            Sou a favor de academias, mas não aquelas que presenteiam os alunos com imagens desfocadas de mulheres e suplementos que prejudicam a saúde. Eu, como jornalista, defendo a saúde e o bem estar, mas isso não está aliado a riscos de vida e tristeza. Tenha fé, foco e força para aguentar as três séries de agachamentos seguidas de jump. Por que, não? Precisamos e logo da receita e treino do jogador da seleção, Hulk.

            Olhar-se nos espelho, não deveria ser mais do que contemplar a beleza natural da mulher e perceber a capacidade e os ensinamentos guardados no olhar de cada uma. Idade? Deixamos de lado. Peso? Só se for na academia. Sorriso? A toda hora e seguidos de uma boa dose de relacionamento saudável com quem amamos.

CONVERSATION

18 comentários:

  1. Adorei a crônica!
    Foi você mesma que escreveu? Se for, parabéns!
    Beijos
    estantedorefugio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Que lindo! Falou tudo... Amei
    www.iamcamilakellen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei o texto e concordo com você! Na verdade as pessoas tem que se sentir bem, e não ficar obcecadas pela beleza para agradar os outros.

    http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br/

    Beijoos ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitas pessoas ainda não entenderam isso neh

      Excluir
  4. Oi Ju, tudo bem ???
    Adorei o texto, achei super sincero, gostei de ver sua opinião estampadas nas palavras !!!
    Concordo contigo quando diz que exemplo de mulher perfeita é aquele que trabalha duro, cuida da família e dos filhos e ainda tem que enfrentar parentes chatos !!! Infelizmente muitas vezes a sociedade elege exemplos errados como perfeitos e corretos, fico feliz quando vejo outras mulheres se opondo a isso, mostrando sua opinião, levantando a voz e deixando o que acredita exposto para as pessoas !!!
    Texto maravilhoso !!! :D

    Beijinhos
    Hear the Bells

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou feminista - às vezes - e vejo que as mulheres não são respeitadas como deveriam - algumas. Quem sabe isso um dia mude.

      Excluir
  5. Perfeito! Eu não trocaria uma virgula do teu texto!
    Escreves de maneira que é uma delicia de ler!
    Bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
  6. Perfeito o texto, Juliete! Eu amodorei. Realmente acho que a pessoa deve estar feliz com o que é o que tem. Mas esse mundo louco não deixa ninguém satisfeito ainda mais com a aparência. Isso é muito complicado...O julgamento é algo muito certeiro na sociedade.Basta termos jogo de cintura e virarmos essa roda preconceituosa.
    Beijos!
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  7. Adorei o texto! E tenho que concordar, temos ser felizes do jeito que somos e procurar sempre uma forma saudável de melhorar :)

    Beijos
    http://www.culturaliteraria.com/

    ResponderExcluir
  8. Disse tudo Juliete! Infelizmente, as mulheres não têm se visto como um ser de valor além das aparências.
    Tem um vídeo muito interessante (na verdade é uma animação) e chocante que fala sobre isso. Fiz questão de procurar aqui pra você ver. Achei que caberia com o que você disse no post.
    Eu procurei muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito até achar. Fiz questão porque o vídeo é muito interessante.

    Segue o link: https://www.youtube.com/watch?v=Jr5FsXbxy6U

    http://www.borboletra.com/

    ResponderExcluir
  9. Oláa!
    Adorei sua crônica. Gosto da maneira de como você coloca suas sinceras palavras nele. Eu super concordo com o que você disse. Algumas pessoas são complexadas consigo mesma, eu digo isso porque as vezes dá essa crise comigo, mas não é nada sério- sintomas da infância. Eu coloco sempre um sorriso no meu rosto e tento ignorar o que as pessoas dizem sobre mim. A sociedade está cada vez mais injusta com algumas pessoas... Essa é um tema muito abordado nos dias de hoje...
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. nossa parabens, vc escreve super bem, eu adorei o texto

    www.tofucolorido.blogspot.com
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  11. Adorei sua crônica! Só verdades, infelizmente... :/
    Hoje em dia valorizam a mulher por sua beleza.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  12. Adorei seu texto. Falou e disse. Infelizmente a preocupação com a passageira beleza é enorme. Beleza para mim é poder dormir com um sorriso no rosto depois de um dia cansativo. É ver tudo o que realizamos com nosso esforço. E beleza é diferente para cada um mesmo hehe

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  13. Ótimo texto, Ju!
    Falou tudo. As pessoas se dizem reféns da mídia, mas só é refém quem se coloca nessa posição. Se rompermos os paradigmas e formos quem queremos ser, essas concepções caem por terra. A idade não me assusta, nunca assustou, espero que continue sempre assim. Assustaria se eu soubesse que não vivi o que queria ter vivido.

    Beijos,
    Mari Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir

- Comente, mas algo que acrescente uma opinião, sempre com respeito.

- Siga o blog, mas deixe seu endereço para eu seguir de volta.

- Dicas, opiniões, sempre serão bem vindas.

E-mail para contato: dhfy.blogs@gmail.com

domingo, 25 de janeiro de 2015

Foco, força e fé na vida

Compartilhar

Dizem que algumas mulheres tem complexo com a idade, e eu acredito piamente nisso. Com o passar dos anos, olhar-se no espelho deixou de ser prazeroso, pois uma ruga surge aqui, outra logo ali, e as coisas vão ficando um pouco mais repetidas. Conheço os dois tipos de mulheres: as que vivem para a beleza, e as que preferem viver bem a preocuparem-se com as companheiras rugas que surgem a cada mês. E, você?

            Olhar-se no espelho e perceber um novo e leve risquinho na lateral direita não deveria ser comparado com a questão da idade, mas, sim, da maturidade. O complexo de subcelebridade e Miss Bumbum é passado, não porque a idade tomou conta, mas porque sutilezas da vida tomam lugar de qualquer baboseira.

            Cuidar de quem se ama é a melhor forma de viver bem, praticar exercícios físicos e relaxar na ioga é o melhor caminho para manter uma mente tranquila e serena, pois depois temos de matar 10 leões no trabalho, 6 ou 7 na faculdade e, para muitas, ainda resolver as brigas na família quando chegar em casa. Os valores estão totalmente invertidos, mas podemos mudar isso.

            Dizem que a sociedade e a imprensa criam estereótipos e mulheres “perfeitas”. Está aí uma coisa engraçada, “mulheres perfeitas” não são as de biquíni no BBB 15, as trabalhadas no Photoshop e estampadas na capa da revista Playboy, mas a que sustenta uma casa, ama e educa os filhos, aguenta “familiares chatos” e continua a sorrir sem se preocupar com o número da calça jeans que aumentou. Não apoio o desleixo, mas a valorização da verdadeira mulher do ano de 2015.

            Submissão nos dias de hoje só em Cinquenta Tons de Cinza, fora isso, é muito trabalho e opinião própria a defender. Falta de estudo, com a gente não, pois foco e fé devem ser trabalhados com esforço. Mulher que incentiva a leitura deveria ser posta em um pedestal, pois muitas não conhecem nem Marta Medeiros e o falecido Moacyr Scliar.

            Sou a favor de academias, mas não aquelas que presenteiam os alunos com imagens desfocadas de mulheres e suplementos que prejudicam a saúde. Eu, como jornalista, defendo a saúde e o bem estar, mas isso não está aliado a riscos de vida e tristeza. Tenha fé, foco e força para aguentar as três séries de agachamentos seguidas de jump. Por que, não? Precisamos e logo da receita e treino do jogador da seleção, Hulk.

            Olhar-se nos espelho, não deveria ser mais do que contemplar a beleza natural da mulher e perceber a capacidade e os ensinamentos guardados no olhar de cada uma. Idade? Deixamos de lado. Peso? Só se for na academia. Sorriso? A toda hora e seguidos de uma boa dose de relacionamento saudável com quem amamos.

18 comentários:

Amanda Volpato disse...

Adorei a crônica!
Foi você mesma que escreveu? Se for, parabéns!
Beijos
estantedorefugio.blogspot.com

Camila Kellen disse...

Que lindo! Falou tudo... Amei
www.iamcamilakellen.blogspot.com

Juliete Souza disse...

Oi, Amanda.

Foi, sim. obrigada.

Juliete Souza disse...

Obrigada Camila. beijos

Thais Terra disse...

Adorei o texto e concordo com você! Na verdade as pessoas tem que se sentir bem, e não ficar obcecadas pela beleza para agradar os outros.

http://colorful-mushrooms.blogspot.com.br/

Beijoos ;*

Ryoko Bel disse...

Oi Ju, tudo bem ???
Adorei o texto, achei super sincero, gostei de ver sua opinião estampadas nas palavras !!!
Concordo contigo quando diz que exemplo de mulher perfeita é aquele que trabalha duro, cuida da família e dos filhos e ainda tem que enfrentar parentes chatos !!! Infelizmente muitas vezes a sociedade elege exemplos errados como perfeitos e corretos, fico feliz quando vejo outras mulheres se opondo a isso, mostrando sua opinião, levantando a voz e deixando o que acredita exposto para as pessoas !!!
Texto maravilhoso !!! :D

Beijinhos
Hear the Bells

Letícia Aires disse...

Perfeito! Eu não trocaria uma virgula do teu texto!
Escreves de maneira que é uma delicia de ler!
Bjs da Le
Le Versos & Controvérsias

Juliete Souza disse...

Muitas pessoas ainda não entenderam isso neh

Juliete Souza disse...

Sou feminista - às vezes - e vejo que as mulheres não são respeitadas como deveriam - algumas. Quem sabe isso um dia mude.

Juliete Souza disse...

Obrigada, Le. beijos

Paloma Viricio disse...

Perfeito o texto, Juliete! Eu amodorei. Realmente acho que a pessoa deve estar feliz com o que é o que tem. Mas esse mundo louco não deixa ninguém satisfeito ainda mais com a aparência. Isso é muito complicado...O julgamento é algo muito certeiro na sociedade.Basta termos jogo de cintura e virarmos essa roda preconceituosa.
Beijos!
Monólogo de Julieta

Bruna Alves disse...

Adorei o texto! E tenho que concordar, temos ser felizes do jeito que somos e procurar sempre uma forma saudável de melhorar :)

Beijos
http://www.culturaliteraria.com/

Hozana Rodrigues disse...

Disse tudo Juliete! Infelizmente, as mulheres não têm se visto como um ser de valor além das aparências.
Tem um vídeo muito interessante (na verdade é uma animação) e chocante que fala sobre isso. Fiz questão de procurar aqui pra você ver. Achei que caberia com o que você disse no post.
Eu procurei muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito até achar. Fiz questão porque o vídeo é muito interessante.

Segue o link: https://www.youtube.com/watch?v=Jr5FsXbxy6U

http://www.borboletra.com/

Ana Lima disse...

Oláa!
Adorei sua crônica. Gosto da maneira de como você coloca suas sinceras palavras nele. Eu super concordo com o que você disse. Algumas pessoas são complexadas consigo mesma, eu digo isso porque as vezes dá essa crise comigo, mas não é nada sério- sintomas da infância. Eu coloco sempre um sorriso no meu rosto e tento ignorar o que as pessoas dizem sobre mim. A sociedade está cada vez mais injusta com algumas pessoas... Essa é um tema muito abordado nos dias de hoje...
Beijos,

http://our-constellations.blogspot.com.br/

.lívia. disse...

nossa parabens, vc escreve super bem, eu adorei o texto

www.tofucolorido.blogspot.com
www.facebook.com/blogtofucolorido

D e s s a disse...

Adorei sua crônica! Só verdades, infelizmente... :/
Hoje em dia valorizam a mulher por sua beleza.
beijos
www.apenasumvicio.com

Sil disse...

Adorei seu texto. Falou e disse. Infelizmente a preocupação com a passageira beleza é enorme. Beleza para mim é poder dormir com um sorriso no rosto depois de um dia cansativo. É ver tudo o que realizamos com nosso esforço. E beleza é diferente para cada um mesmo hehe

Blog Prefácio

Mariana Siqueira disse...

Ótimo texto, Ju!
Falou tudo. As pessoas se dizem reféns da mídia, mas só é refém quem se coloca nessa posição. Se rompermos os paradigmas e formos quem queremos ser, essas concepções caem por terra. A idade não me assusta, nunca assustou, espero que continue sempre assim. Assustaria se eu soubesse que não vivi o que queria ter vivido.

Beijos,
Mari Siqueira
http://loveloversblog.blogspot.com

Postar um comentário

- Comente, mas algo que acrescente uma opinião, sempre com respeito.

- Siga o blog, mas deixe seu endereço para eu seguir de volta.

- Dicas, opiniões, sempre serão bem vindas.

E-mail para contato: dhfy.blogs@gmail.com